Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://bdtd.unifal-mg.edu.br:8443/handle/tede/1763
Tipo do documento: Dissertação
Título: Safety evaluation of Brazilian red propolis uses during pregnancy and offspring development in a mouse model.
Título(s) alternativo(s): Avaliação da segurança do uso da própolis vermelha brasileira durante a gravidez e no desenvolvimento da prole em um modelo de camundongo
Autor: CARLSTROM, Paulo Fernando 
Primeiro orientador: IKEGAKI, Masaharu
Primeiro coorientador: PAFFARO JUNIOR, Valdemar Antonio
Primeiro membro da banca: SALLES, Évila da Silva Lopes
Segundo membro da banca: ROSALEN, Pedro Luiz
Resumo: Os padrões de saúde e doença são influenciados em diferentes estágios do curso de vida por uma combinação de fatores genéticos, epigenéticos e ambientais. A própolis vermelha brasileira (BRP) é um tipo de própolis com grande potencial na terapia de saúde. No entanto, não há estudos avaliando o uso seguro e a toxicidade do desenvolvimento dessa própolis. O objetivo deste estudo é investigar a segurança do uso de BRP na gravidez e no desenvolvimento da prole e da vida adulta em um modelo animal. Os camundongos prenhes foram divididos em quatro grupos, dois grupos controle (C, Tween 80 1%) e dois grupos BRP (200mg/kg/dia por gavagem), administrados por 10 e 20 dias. Os animais foram submetidos à eutanásia, sendo realizadas análises relacionadas ao ganho de peso, taxa de implantação e natalidade, nível sérico de citocinas (IL-1ß, IL-6 e IL-10), morfológicas e estereológicas do uNK. Os grupos de descendentes (F1C e F1BRP) foram obtidos tratando-se as fêmeas durante a gravidez. Os filhotes foram analisados quanto ao desenvolvimento físico e neurológico por 30 dias após o nascimento e comportamento na idade adulta (atividade locomotora e memória). O consumo de BRP alterou significativamente o número de subtipos de uNK, com diminuição do subtipo III (8,3 células/AT) concomitante a um aumento do subtipo IV (5,31 células/AT) na região 2 do local de implantação no 10º gd no grupo de mães, mas sem alterar o ganho de peso, as taxas de implantação e natalidade e o nível sérico de citocinas. Na geração F1, não foram observadas malformações congênitas, distúrbios nos parâmetros de desenvolvimento físico e neurológico e alterações comportamentais em filhos adultos. Nossos dados indicam que o BRP é seguro para uso durante o período gestacional de camundongos e não causa alterações na prole por meio da programação fetal, apresentando potencial para futuros ensaios pré-clínicos.
Abstract: Patterns of health, illness and disease are influenced at different stages of the life course by a combination of genetic, epigenetic and environmental factors. Brazilian red propolis (BRP) is a type of propolis with great potential in health therapy. However, no studies are evaluating the safe use and toxicity of the development of this propolis. The aim of this study is to investigate the safety of using BRP in pregnancy and in the development of offspring and adult life in an animal model. The pregnant mice were divided into four groups, two control groups (C, Tween 80 1%) and two BRP groups (200mg/kg/day by gavage), administered for 10 and 20 days. The animals were euthanized, and analyses related to weight gain, implantation and birth rates, serum level of cytokines (IL-1ß, IL-6 and IL-10), morphological and stereological of the uNK were performed. The groups of offspring (F1C and F1BRP) were obtained by treating females throughout pregnancy. The puppies were analyzed for physical and neurological development for 30 days after birth and behavior in adulthood (locomotor activity and memory). The consumption of BRP significantly changed the number of uNK subtypes, with a decrease in subtype III (8.3 cells / AT) concomitant to an increase in subtype IV (5.31 cells / AT) in region 2 of the implantation site at the 10th gd in the groups of mothers, but without changing weight gain, implantation and birth rates, and the serum level of cytokines. In the F1 generation, no congenital malformations, disturbances in the parameters of physical and neurological development, and behavioral changes in adult offspring were observed. Our datas indicates that BRP is safe to be used during the gestational period of mice and does not cause changes in the offspring through fetal programming, presenting the potential for future pre-clinical trials.
Palavras-chave: Abelhas africanizadas
Produtos naturais
Desenvolvimento Fetal
Linfócitos
Área(s) do CNPq: CIENCIAS BIOLOGICAS
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Alfenas
Sigla da instituição: UNIFAL-MG
Departamento: Instituto de Ciências da Natureza
Programa: Programa de Pós-graduação em Ciências Biológicas
Citação: CARLSTROM, Paulo Fernando. Safety evaluation of Brazilian red propolis uses during pregnancy and offspring development in a mouse model.. 2021. 42 f. Dissertação (Dissertação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Alfenas, Alfenas, MG, 2021.
Tipo de acesso: Acesso Embargado
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: https://bdtd.unifal-mg.edu.br:8443/handle/tede/1763
Data de defesa: 12-Fev-2021
Aparece nas coleções:Mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação de Paulo Fernando Carlstrom.pdf1,06 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar    Solictar uma cópia


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons